Já pensou em pedalar em Londres?

Muitos de vocês têm me acompanhado e já sabem que estarei na Inglaterra de 25 a 29 de maio para participar do Myeloma UK Ride 2017 (LEIA AQUI). O evento reúne pessoas do mundo inteiro para fazer uma travessia de bicicleta entre Londres e Paris, e tem como objetivo arrecadar recursos para a pesquisa da cura do Mieloma Múltiplo, que é um tipo de câncer de medula óssea (SAIBA MAIS). Eu vou para lá com o trajeto já prontinho.

Mas aí lembrei que muitas pessoas podem querer um dia viajar para Londres e circular pela cidade desvendando lugares que você só vai ver se estiver numa bike, e é uma experiência e tanto. Mas vamos supor que você não tenha uma bicicleta e quer muito uma para “zanzar” pela cidade londrina como um cidadão local.

Para te ajudar, a seguir compartilho algumas dicas sobre como alugar uma bike em Londres. Anote aí:

– A prefeitura possui estações de bicicleta por toda a parte. A ideia é que você faça de um pequeno trecho a outro, como do hotel até um restaurante, por exemplo, e depois alugue outra. Por isso, se usá-la por até 30 minutos você não paga nada. Após esse período, o valor é de 2 libras a cada período 30 minutos. As estações funcionam 24 horas por dia. Você paga também uma tarifa – com validade de 24 horas – para ter acesso aos pontos. O valor da taxa é de 2 libras também e pode ser paga com o cartão de crédito;

Veja abaixo os valores, em média, que são cobrados quando você ultrapassa os 30 minutos gratuitos:

  • £1 de 30 minutos a 1 hora
  • £4 até 1,5 horas
  • £6 até 2 horas
  • £10 até 2,5 horas
  • £15 até 3 horas
  • £35 até 6 horas
  • £50 até 24 horas (prazo máximo)

*1 libra esterlina está cerca de R$ 4,05.

– Planeje um roteiro que te permita parar a cada 20 ou 30 minutos, mais ou menos, estar próximo de outra estação. Assim você pode andar o dia todo de bike de graça. CONFIRA AQUI o mapa das estações de bicicletas da cidade!

– Para facilitar, vale baixar o aplicativo “Santander Cycles”, que serve tanto para iOS como para Android. Com ele você acompanha a estação de bike mais próxima de onde está e a disponibilidade de bicicletas. Além disso, você recebe a informação do custo total ao final do período contratado para uso e visualização dos últimos trajetos realizados. Ah, dá para fazer o planejamento da sua rota sobre a magrela. Legal, né?

Confira abaixo o passo a passo para pagar e liberar a bike nas estações:

1) Escolha um terminal, anote o endereço e vá até ele. Siga as instruções que vão aparecer na tela do terminal e selecione “Hire a cycle” (alugar uma bike) e insira o cartão de crédito.

2) Vai sair um papel com um código diferente para cada bicicleta que você for usar.

3) Pegue esse código, escolha a bike e digite o código na “maquininha” que está acoplada a cada ponto, onde ficam estacionadas as bikes. Digite esse código.

4) Depois, espere a luz verde aparecer e a bicicleta estará liberada para uso. É só retirá-la e se divertir em Londres!

5) Na hora de devolvê-la, basta ir até uma estação e encaixar a bicicleta no terminal vago.

Dica importante: se na hora de deixar a bike não houver vaga, vá até o terminal e selecione a opção “No docking point free” e siga as instruções. Você vai ganhar mais 15 minutos extras para encontrar uma outra estação em que possa deixar a bicicleta. Nesse caso, para achar um outro ponto mais próximo, selecione “Status of nearest docking stations” no terminal.

Let´s go riding!

Já pensou em pedalar em Londres?

Acelera Ayrton!!!!!

Já pensou em pedalar em Londres?

Myeloma UK – Ride Londres Paris 2017

Mais novo

Publique um comentário